Regras do Jiu-Jitsu no Vulcão

REGRAS DO VULCÃO JIU JITSU SOCIAL TEAM

Amor a Deus: Colocamos Deus acima de tudo. Pois sem a presença Dele nada podemos realizar. Consagramos todos os momentos dentro e fora dos tatames em Teu nome.

Amizade: No PROJETO VULCÃO, o Instrutor e Professor de Jiu-Jitsu reforçam o espírito de família entre alunos, equipe de trabalho, respeito e ajuda. A atitude deve ser sempre positiva e focada no fortalecimento e crescimento de todos.

Cooperação: Nutrindo sempre um ambiente cooperativo dentro e fora do tatame. O aluno deve ser ensinado que o progresso dele não é medido pela sua capacidade de vencer o outro, ou um adversário na competição, mas sim pela sua capacidade de superar a si mesmo, ser melhor do que no treinamento anterior e desenvolver o máximo do seu potencial.

Disciplina: Item fundamental! No PROJETO VULCÃO constantemente disciplinamos os alunos, mas nunca excluímos. O aluno deve ser ensinado que sem disciplina não existe vitória, nem no Jiu-Jitsu e nem na vida, e que somente com sacrifícios a excelência pode ser atingida. A punição ela é ocasionada pela indisciplina do aluno, ou seja, ele mesmo se puniu.

Respeito Mútuo: No PROJETO VULCÃO exigimos que os alunos se tratem cordialmente, independentemente de suas diferenças de raça, sexo, nacionalidade, etc. A hierarquia e autoridade das faixas devem ser respeitadas.

Continuidade: Passamos para os alunos que o aprendizado no Jiu-Jitsu nunca se encerra, é um estudo para a vida inteira. Os alunos devem ter a faixa preta como um objetivo mínimo a ser alcançado, e que quanto maior o seu progresso maior o seu compromisso em se desenvolver como praticante de Jiu-Jitsu e como ser humano. Para si e para sociedade.

Reflexo: Lideramos pelo exemplo e com interesse genuíno na melhoria da qualidade de vida dos alunos. A sua autoridade formal deve ser sempre amparada pela sua autoridade moral, construída com uma atitude positiva e em prol dos alunos e equipe de trabalho. Compreendemos ser um espelho para os alunos, e devemos abraçar a responsabilidade de despertar sempre o melhor que existe dentro de cada um que venha ao seu contato.

Benção: Quem ensina Jiu-Jitsu deve encara-lo como um privilégio, uma honra, uma benção e nunca como um fardo. Cada aula é a realização de um sonho, os resultados de anos de treinamento duro. Deve-se aproveitar cada minuto desta oportunidade de mudar a vida das pessoas para melhor, através da prática do Jiu-Jitsu.  

0 Comentários

Deixe um comentário

Informe seu nome!



Seu comentário foi enviado para a moderação, obrigado!
Projeto Vulcão - CNPJ: 26.668.519/0001-36 © Todos os direitos reservados
Desenvolvido por
Tempbox